8 passos para manter seu equipamento policial em boas condições

Manter seu equipamento em bom estado pode salvar sua vida

O suspeito estava armado e pretendia matar um policial. Quando passou por uma viatura, ele parou em uma blitz de trânsito. O policial se aproximou, falou com o suspeito e o liberou em seguida. Um pouco mais tarde ele foi parado em outra blitz de trânsito. Dessa vez ele cumpriu seu desejo de assassinar um policial.

Quando questionado, o assassino do policial disse que não tentou matar o primeiro policial porque ele “estava preparado”.

Criminosos pensam nisso todos os dias. Eles te analisam, e um comportamento importante que demonstra que você é um cão pastor, e não uma ovelha, é sua aparência física. Uniforme passado, couro brilhante e em bom estado. Embora você não possa saber quem está planejando, pensando e disposto a tentar tirar sua vida, sua aparência profissional é um elemento dissuasor para seus planos.

As condições do seu equipamento policial são importantes não só na aparência, mas no bom funcionamento. Seu equipamento sofre desgastes diários que podem não ser notados. Aqui estão sugestões para manter seus equipamentos mais importantes sempre prontos para o uso.

1. Realize manutenções e inspeções regularmente. Escolha um dia por ano para sentar e dar uma boa limpeza no seu cinto de guarnição. Quais as condições dos botões, velcros ou outras partes de fixação? Botões e velcros podem ser substituídos por qualquer sapateiro. Verifique e certifique-se de que todos os parafusos estão no lugar e apertados. Verifique o funcionamento do seu equipamento e a facilidade para retirá-lo do cinto diariamente antes de entrar no serviço.

2. Qual a cor do seu cinto de guarnição? A maioria dos cintos utilizados são pretos. No entanto você verá policiais com cintos quase cinzas devido à idade, uso e falta de manutenção. Que impressão isso passa para o potencial assassino que está te analisando? Um pouco de graxa para couro ou outro produto próprio vai devolver a cor original ao seu cinto. Se isso não resolver, talvez seja hora de substituí-lo.

3. Mantenha as presilhas no lugar. Mesmo que você use um cinto com velcro, ainda vai precisar de presilhas – no mínimo quatro e provavelmente mais. Elas mantêm seu coldre e outros itens no lugar certo e garantem um saque seguro. Um cinto frouxo transparece desleixo e seu equipamento pode girar livremente numa luta ou contenção. Em alguns casos o cinto do policial gira e sua arma vai para suas costas – acessível ao suspeito e fora do alcance do policial – com resultados trágicos.

4. Inspecione seu coldre. Por quanto tempo você utiliza seu coldre atual? Ele vai manter sua arma presa quando um suspeito tentar retirá-la? Todos os parafusos estão no lugar?

Realizar uma série de saques em todos os turnos de serviço mantém seus reflexos preparados e ajuda a identificar algum problema no coldre.

Claro, a limpeza e lubrificação regular de sua arma também são necessárias.

5. Verifique seu agente químico. Quando foi a última vez que você o substituiu? Quando você começar a usar um novo, marque a data nele com um marcador permanente. Se tiver mais de um ano, substitua.

6. Aplique pó de grafite em suas algemas. Assim como sua arma, algemas precisam de lubrificação regular.  O truque é usar pó de grafite para que elas não fiquem pegajosas. Lubrificantes líquidos vão acumular poeira e sujeira.  Uma verificação diária para checar se elas estão funcionando bem é muito importante. Garanta que elas estão guardadas de forma a estarem acessíveis em caso de necessidade. Onde você coloca suas algemas? Muitos policiais sofreram lesões por caírem sobre algemas colocadas sobre a coluna. Guarde-as onde elas possam ser retiradas com ambas as mãos. Se possível carregue dois pares de algemas.

7. Lubrifique seu bastão expansível de acordo com as instruções do fabricante. Caso você utilize um bastão expansível, a cada turno de serviço, o expanda e recolha para verificar o funcionamento. Aplique lubrificante regularmente, de acordo com as instruções do fabricante, para garantir um funcionamento suave. Treine como utilizá-lo com as duas mãos.

8. Cheque o funcionamento do seu TASER (ou outro equipamento emissor de impulsos elétricos). Se você utiliza o TASER é necessário realizar um teste de centelha diariamente. Deixe-o realizar um ciclo completo. Policiais que interrompem o ciclo se condicionam a desligar o TASER durante situações reais, o que pode comprometer a imobilização do suspeito.

Conclusão

Um policial com equipamentos bem cuidados e funcionais passa três mensagens:

. Para o público: “Esse policial é profissional.”

. Para os criminosos: “Eu estou pronto, disposto e capaz.”

. Para você mesmo: “Eu estou confiante nos meus equipamentos e nas minhas habilidades por causa de minha preparação diária e dedicação para vencer qualquer confronto.”

Sun Tzu escreveu: “A suprema arte da guerra é subjugar o inimigo sem lutar.” Realizar manutenção regular em seus equipamentos mais importantes pode ajudar os policiais a reduzir a possibilidade de entrar em um confronto de vida ou morte.

Este artigo foi publicado originalmente por PoliceOne, a principal fonte online de informações para policiais, e foi traduzido e adaptado pelo Força e Honra em parceria e com autorização da equipe editorial do PoliceOne. Visite www.PoliceOne.com para acessar notícias, comentários, informações educativas, e material de treinamento que ajudam policiais a protegerem suas comunidades e se manterem seguros nas ruas.
Anúncios

One comment

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s