5 coisas engraçadas que policiais podem responder para a pergunta “Você já matou alguém?”

Garanta que nunca mais algum amigo civil faça essa pergunta a um policial dando a ele a resposta mais inesperada possível.

Todos nós já passamos por isso. Às vezes sentado em um restaurante com um membro da família, às vezes com uma pessoa com quem você está saindo em um bar, ou talvez com um estranho que se sentou ao seu lado no ônibus enquanto você ia para o trabalho fardado. Independentemente das circunstâncias, não há um único policial que eu já tenha conhecido que nunca tenha respondido, ao menos uma vez, a eterna pergunta do amigo civil: “Então, você já matou alguém?”

Independentemente de você já tê-la respondido ou não, é uma situação extremamente desconfortável de se estar. Pessoalmente, eu nunca conheci uma pessoa que não achou esse questionamento incômodo. Policiais em geral odeiam responder essa maldita pergunta, e eu já vi alguns amigos incapazes de respondê-la com algo além de surpresa, confusão e um pouco de indignação.

Então, para todos esses que não sabem muito bem como responder aquele questionamento, aqui estão minhas respostas infalíveis. Adicione doses de sarcasmo a gosto.

1- “Ainda não.”
Minha opção favorita. Diga isso olhando fixamente nos olhos da pessoa que lhe fez a pergunta, se possível sem piscar. Adicionar um sorriso assustador também é interessante.

2. “Sim, mas apenas para comer.”
Essa é a versão suave da resposta que meu pai costumava dar a essa pergunta. Seu método particular, o qual a última vez que eu vi em prática foi contra vinte estudantes do ensino médio aterrorizados, era gritar “Sim, eu matei todos e eu os comi!”. Essa certamente é uma forma de usar a resposta, mas eu pessoalmente recomendo um tom mais agressivo. E se isso não for o bastante, explique como você usou cada parte do corpo, como fazem os canibais.

3. Metaforicamente.
Um olhar distante e um ar esotérico são as chaves para usar essa resposta. Porque, tipo, e se você pudesse matar uma pessoa… sem realmente matá-la? Em seguida faça uma pausa profunda. Funciona particularmente bem com estudantes de Humanas curiosos.

4. “Batman não mata pessoas.”
Já disse o bastante.

5. Risada histérica.
Eu considero essa aquilo que é comumente chamado de “opção bomba atômica”. Se você já estiver cansado de responder essa pergunta ou realmente não gostar de quem está perguntando, use sua melhor gargalhada de supervilão até que ele comece a correr. Acredite em mim, não vai demorar.

Por favor, sinta-se livre para usar suas próprias respostas para as pessoas curiosas sobre isso, mas as minhas cinco opções são sempre infalíveis. Claro, você poderia sempre ser um adulto maduro e confiante e falar francamente e honestamente sobre sua própria experiência pessoal ou a falta dela. Mas onde está a diversão nisso?

Ah, e para os curiosos que estão se perguntando: não, eu nunca matei ninguém. Ainda não.

Gostou desse artigo? Nos siga no Facebook e acompanhe artigos como esse e muito mais conteúdo exclusivo.

Este artigo foi publicado originalmente por http://www.taskandpurpose.com e foi traduzido e adaptado pelo Força e Honra (www.SejaForcaeHonra.com.br).
Anúncios

3 comments

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s